Bem vindo à Clínica DE Psicologia Cognitiva

(11) 4108-2888

(11) 94862-2916

Sem categoria

Comments: Nenhum comentário

A frustração é um sentimento negativo que experimentamos quando nossas expectativas em relação à algo ou alguém não são correspondidas. Em outras palavras, é aquilo que sentimos quando algo que queremos ou esperamos não acontece.  A tolerância à frustração é a capacidade que temos para lidar com essas situações.

Características

  • Pessoas com baixa tolerância à frustração mostram irritabilidade fácil, comportamentos e comunicação não assertiva, desmotivação e desistência de tarefas ou objetivos.
  • A baixa tolerância à frustração está associada a baixa autoestima e e sensação de baixa autoeficácia, e contribui para a desregulação emocional.

O sucesso vem da mente

Nem só de vitórias é feita a carreira de um grande profissional. Michael Jordan, considerado um dos maiores jogadores de basquetebol da história, é um exemplo de profissional de sucesso que se mostrou tolerante à frustração. Ele foi cortado da seleção de basquete do ensino médio. Não foi recrutado pela universidade onde queria jogar. Não foi chamado para as duas primeiras equipes da NBA a que participou do processo seletivo. Ele disse: “Errei mais de 9 mil arremessos à cesta. Perdi quase trezentas partidas. Vinte e seis vezes os companheiros confiaram em mim para o arremesso final, que poderia decidir o jogo, e eu errei”.

Como teria sido a carreira do ilustre atleta se não tivesse aprendido a gerir e superar suas emoções ? Teria ele alcançado o sucesso e a excelência profissional? Não, provavelmente teria experimentado um sentimento constante de decepção e desmotivação que o levariam a desistir de seus sonhos. As pessoas podem ter diferentes temperamentos e aptidões no início das suas vidas, mas evidentemente a experiência, o treinamento e o esforço pessoal conduzem-na no restante do caminho.

Como desenvolver tolerância à frustração?

Precisamos nos lembrar que a frustração é um sentimento passageiro e entender que as situações que não saíram como planejamos, não nos definem fracassados. Desenvolver tolerância à frustração é um processo de aprendizagem que se inicia na infância e nunca termina. A opinião que você adota a respeito de si mesmo afeta profundamente a maneira pela qual você leva sua vida. A receita para o sucesso é assumir riscos, mostrar persistência e corrigir erros.

Atitudes que fazem a diferença:

  • Faça uma Auto-análise: encontre um tempo para analisar o que deu errado.
  • Entenda o que deu errado: esse momento ajudará a verificar o que aconteceu de fato e o que pode ser feito para modificar o resultado na próxima vez.
  • Peça feedback: o feedback é uma grande oportunidade de aprendizagem e crescimento. Com ele validamos, ou não, nossas impressões e paramos de remoer os fatos.
  • Procure ajuda: quando a dificuldade de lidar com a frustração é grande, é necessário investigar as raizes do problema e treinar novos comportamentos.

Daniela Nanni
Psicóloga Cognitivo Comportamental

Compartilhar
Deixe uma resposta